O Microsoft Dynamics AX é um sistema de alcance mundial que pode ser ideal para uma empresa brasileira que pretende ir ou já está no exterior e também para empresas multinacionais que estão ou pretendem operar no Brasil. Com isso, é muito importante saber sobre o rollout desse sistema e principalmente quando é feito no Brasil. A inovesolve sempre procura divulgar essas informações para facilitar o entendimento desse processo, como já fizemos em nossa página exclusiva sobre rollouts no Brasil. A seguir, você pode ver alguns aspectos importantes sobre o tema.

Aqueles que conhecem um pouco sobre as legislações e características específicas do ambiente legal brasileiro, percebem que elas são diferentes de qualquer outro país. Esse contexto é complexo e deve ser levado em consideração na hora de fazer um rollout do Dynamics AX.

Conheça os 6 maiores desafios ao fazer um rollout para o Brasil:

1. Os impostos são calculados em momentos diferentes de uma transação: compra/venda, pagamento/recebimento financeiro e na apuração de resultados da empresa

2. Os impostos variam a base de cálculo de acordo com o tipo de transação;

3. Alguns impostos fazem retenção de pagamento e recebimento de valores no momento da liquidação de títulos;

4. Livros fiscais e arquivos magnéticos devem ser entregues em diferentes esferas governamentais: municipal, estado e união;

5. Parte dos brasileiros falam apenas o idioma nativo e precisam ser treinados em português;

6. Adaptar o modelo de negócios da empresa para o modelo da subsidiária brasileira. Grande parte das empresas brasileiras criam processos que funcionam melhor com a cultura do país e o seu ambiente legal.

Rollout para o Brasil e a Legislação Tributária Brasileira

A legislação tributária brasileira é bastante complexa. Com isso, uma das maiores dificuldades para as empresas internacionais é compreender a complexidade do cálculo de impostos, de acordo com as transações feitas no Brasil. Os impostos são de diferentes níveis do governo brasileiro (municipal, estado, federal) com vários aspectos, bases de cálculo, alíquotas e diversos critérios de apuração. Veja a seguir um resumo dessas variações.

Os impostos e alíquotas podem variar de acordo com:

– Os diversos tipos de transação, tais como venda, remessa, devolução e outros;

– Os tipos de produto comercializados, como alimentos, artigos esportivos, automóveis, impressoras, vestuário etc.

– A posição da empresa na cadeia produtiva: extrator, fabricante, distribuidor, varejista e outros.

– O tipo de serviço, tais como consultoria, engenharia, arquitetura, ensino etc.;

– Local de origem e destino, como SP-PR, SP-SP, RJ-BA, entre outros.

– Os diferentes tipos de cliente da empresa, por exemplo o consumidor final, empresas privadas, instituições governamentais, hospitais, igrejas, exército etc.

– Entre outras variações que podem influenciar o ERP Microsoft.

Que saber mais? A seguir você pode ter mais informações sobre o assunto de acordo com o tópico de seu interesse. Basta clicar no que você quer saber e você será direcionado a resposta do nosso especialista.

Além disso, você também pode fazer download do nosso conteúdo completo sobre rollout do Dynamics AX para o Brasil.

Tem alguma dúvida? Se sim, entre em contato com a gente através do e-mail faleconosco@i9tec.com.br.